NOTÍCIAS - Dicas



Falar e escrever corretamente ajuda a impulsionar os negócios

Escorregar no uso da língua portuguesa pode prejudicar muito a imagem da sua empresa. Confira alguns equívocos comuns cometidos no mundo corporativo e fuja destes erros!


Para se ter uma reformadora de pneus de sucesso, muitos são os requisitos. Conhecimento técnico, bons profissionais, equipamentos em perfeito estado de funcionamento, uma boa equipe de vendas, bom relacionamento interpessoal, habilidades técnicas e… um bom domínio da língua portuguesa!

 

É isso mesmo! Não importa se o nosso negócio é uma revenda de pneus ou uma agência de propaganda, dominar o uso culto da língua portuguesa é uma condição para seu sucesso profissional. Especialistas alertam: tropeçar na língua portuguesa pode, sim, prejudicar seus negócios.

 

 

Para ajudá-lo nesta missão, separamos alguns equívocos frequentes, observados no mundo dos negócios, para que possa ficar atento e não errar mais.

Confira:

 

A longo prazo/ em longo prazo  Erro: A longo prazo, serão necessárias mudanças. Forma correta: Em longo prazo, serão necessárias mudanças. Explicação: Usa-se a preposição “em” nos seguintes casos: em longo prazo, em curto prazo e em médio prazo.

 

Anexo/ anexa/ em anexo  Erro: Segue anexo a carta de apresentação. Formas corretas:

Segue anexa a carta de apresentação.

Segue em anexo a carta de apresentação. Explicação: “Anexo” é adjetivo e deve concordar com o substantivo a que se refere, em gênero e número. Já a expressão “em anexo” é invariável. Lembre-se de que alguns estudiosos condenam o uso da expressão “em anexo”. Portanto, dê preferência à forma sem a preposição.

 

Caiu em/ caiu Erro: O lucro caiu em 10%. Forma correta: O lucro caiu 10%. Explicação: O verbo cair, assim como aumentar e diminuir, não admite a preposição “em”. E no sentido de descer, ir ao chão, ser demitido, o verbo cair é intransitivo.

 

Consiste de/ consiste em Erro: A seleção consiste de cinco etapas. Forma correta: A seleção consiste em cinco etapas. Explicação: Consistir é verbo transitivo indireto e requer complemento regido da preposição “em”.

 

A/há Erro: Atuo no setor de controladoria a 15 anos. Forma correta: Atuo no setor de controladoria há 15 anos Explicação: Para indicar tempo passado usa-se o verbo haver.

 

À partir de/ a partir de Erro: À partir de novembro, estarei de férias. Forma correta: A partir de novembro, estarei de férias. Explicação: Não se usa sinal de crase antes de verbos.

 

Fazem /faz Erro: Fazem oito semanas que fui promovida. Forma correta: Faz oito semanas que fui promovida. Explicação: Verbo “fazer”, quando sinaliza tempo passado, fica na 3ª pessoa do singular.

 

Há 10 anos atrás/ há 10 anos

Erro: Há 10 anos atrás, eu decidi comprar um imóvel. Formas corretas:

Há 10 anos, eu decidi comprar um imóvel.

Dez anos atrás, eu decidi comprar um imóvel. Explicação: É redundante usar “há” e “atrás” na mesma frase. O verbo haver impede a palavra atrás em seguida, sempre que estiver relacionado a tempo, à ação que já se passou. Há, portanto, duas formas corretas para a frase: “há dez anos” ou “dez anos atrás”.

 

Houveram/houve

Erro: Houveram rumores sobre um anúncio de demissão em massa. Forma correta: Houve rumores sobre um anúncio de demissão em massa. Explicação: Haver no sentido de existir é impessoal, portanto não é usado no plural.

 

Maiores informações/ mais informações

Erro: Caso precise de maiores informações, entre em contato conosco. Forma correta: Caso precise de mais informações, entre em contato conosco. Explicação: O termo “maior” é comparativo, por isso, não deve ser utilizado nesse caso.

 

Parcela única/ de uma só vez

Erro: O pagamento será feito em parcela única. Forma correta: O pagamento será feito de uma só vez. Explicação: Parcela significa parte de um todo. O certo é dizer “de uma só vez”.

 

Por cento veio/ por cento vieram

Erro: Entre os funcionários, 15% é contra a mudança de sede. Forma correta: Entre os funcionários, 15% são contra a mudança de sede. Explicação: Números percentuais exigem concordância.

 

 

 



Acontece

Recuperação em Investimentos

Mercado

CNT realiza quarta rodada de pesquisa no transporte

Especial

Representando o setor

Mercado

Setor de transporte tem pequena melhora em maio de 2020


Veja todas as noticias










SERVIÇO DE ATENDIMENTO
Tel: (11) 5095-3840
E-mail: comercial@abr.org.br

LOCALIZAÇÃO
Av. Pavão, 955 Cj 18 - Moema
São Paulo / SP


Copyright 2018 - Todos os direitos reservados
ABR - Associação Brasileira do Segmento de Reforma de Pneus